quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

II FOREJAM na Cidade de Jaboatão


No próximo domingo, dia 06 de dezembro, estaremos no II FOREJAM, Fórum Espírita, com o tema central: “Espiritismo, Conhecimento e Valorização do Ser”. O nosso tema será: “Como Valorizar o Ser, se não entendermos quem somos”. Ainda participarão do evento, Severino Celestino, da Paraíba, e Eduardo Elias, do Grupo Espírita Seara de Deus, Janga.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Escola Etelvino Lins faz 25 anos.


A Escola Municipal Ministro Etelvino Lins, no Janga, comemorou 25 anos de existência, nesta terça-feira, dia 1° de Dezembro. Foi realizado um culto ecumênico em comemoração, com a presença da secretária de Educação Jaqueline Moreira da Silva, do Diretor de Ensino, Josemir Borges, da Diretora de Gestão Escolar, Mariane Gonçalves e da Coordenadora do Programa Escola e Ação, Ângela Araújo. Foram convidados representantes da Igreja Católica, (Antonio Fernando, missionário), da Igreja Pentecostal Betel, (Rogério Alves), e do Espiritismo, (Fábio Barros).

Agradecemos à Diretora da Escola Ministro Etelvino Lins, Hercília Belmiro, pelo convite e ao mesmo tempo, exaltamos o competente trabalho que tem sido realizado por ela naquele estabelecimento de ensino.

Ficamos felizes com o anúncio da secretária de Educação Jaqueline Moreira, que no próximo ano a escola irá passar por reformas. Como educador e parlamentar ficaremos atentos a essa reforma, na condição de contribuir para a efetivação desse projeto.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Paz pela paz!


No último domingo de novembro, dia 29, participamos da X Grande Caminhada pela Paz, promovida e organizada pelo MOVPAZ, Movimento Internacional pela Paz e Não Violência. Este ano tivemos além do apoio, a presença do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, dos movimentos sociais e artistas como Nando Cordel, Santanna, o cantador, Cristina Amaral, Maciel Melo, Irah Caldeira, Márcia Porto e a Banda da Paz. Dentre os parlamentares presentes, o Deputado Estadual Sérgio Leite, Deputado Isaltino Nascimento, o vereador e presidente do Parlamento Comum Metropolitano, Josenildo Sinézio.

A caminhada é um grande momento de pessoas e instituições estarem juntos na promoção da paz. Neste ano a participação de gestores estaduais e de representantes políticos municipais, reafirma o nosso compromisso de sensibilizar também aqueles que atuam na condução política.

O MOVPAZ teve início no ano de 1991, na cidade de Feira de Santana, na Bahia, através de Clóvis Nunes, idealizador do projeto Paz pela Paz e hoje está presente em 28 cidades e 11 Estados do Brasil.

Parabéns ao MOVPAZ e ao MOVPAZ/Recife, aos voluntários que realizam um trabalho belíssimo e ao seu coordenador Saulo Cabral, pelo esforço e dedicação.
“A Força da Paz é invisível e ela vem de Deus” (Clóvis Nunes – Coordenador Nacional do MOVPAZ).

Galeria de fotos:


Multidão na Avenida Boa Viagem caminhando pela paz




Verador Marcelo Santa Cruz (Olinda),  Amparo Araújo Secretaria de Direitos Humanos do Recife, Vereador Josenildo (Recife)
Vereador Fábio Barros (Paulista), Governador Eduardo Campos e o Deputado Sérgio Leite



Saulo Cabral, Fábio Barros, Josenildo Sinézio e Clóvis Nunes





Cantor e compositor Nando Cordel e Fábio Barros
 
 

Santanna, Fábio Barros, Cristina Amaral e Irah Caldeira





Luta contra a Aids é discutida na Câmara de Paulista



Neste dia, realizamos às 9 da manhã, na Câmara de vereadores do Paulista, Plenária, com a articulação da Casa Herbert de Souza, (Carlos e Bartolomeu) a Articulação Aids em Pernambuco, (Jair Brandão), Fórum de Mulheres de Pernambuco,(Joana Santos), Fórum LGBT,(Tiago Rocha), GTP+, IRNP+ DE Pernambuco, (Wlademir Reis), além de representantes do Grupo Cactus, Rede Feminista de Saúde, Pastoral da Aids, dentre outros.

Mesa da Plenária: Thiago Rocha, Wlademir Reis, Vereador Fábio Barros, Joana Santos e Jair Brandão 

 

Na abertura foi lida uma “Carta à População”, elaborada pela “Articulação Aids em Pernambuco”. Destacamos um trecho da carta:


“Gostaríamos de enfatizar que, como Movimento Social de Luta contra Aids, continuamos direcionando nossas forças para as ações políticas, práticas de prevenção e para garantia da qualidade da assistência às pessoas vivendo com HIV e Aids com informações adequadas e sem restrições. No entanto vemos diminuído os esforços dos governos no sentido de implementar programas oficiais de prevenção, com ações continuadas para públicos específicos, como crianças, adolescentes, jovens, mulheres, entre outros. Assim, no nosso Estado, por exemplo, o programa “Saúde e Prevenção nas Escolas” não é desenvolvido pelo governo estadual, apesar de concebido e implementado pelo governo federal.”


Plenário: representantes dos movimentos sociais


Como vereador da cidade do Paulista, que tem o quarto maior número de pessoas atingidas pelo vírus HIV, (652 casos) no Estado de Pernambuco, tenho a certeza da importância do legislativo na proposição de leis que possam melhorar a qualidade de vida das pessoas que têm e convivem com o HIV e também na fiscalização de políticas públicas, referentes a esta questão. Durante a plenária ouvi lideranças e participantes dos movimentos sociais. Apresentei algumas propostas aos presentes para o ano de 2010:

1. Projeto de Lei de criação da Frente Parlamentar de Luta contra o HIV/Aids, Tuberculose e Hepatites, que já foi protocolado na câmara para aprovação na próxima sessão;

2. Requerimentos para o Prefeito da Cidade, para implementação dos Serviços de Assistência Especializadas – SAE, no município, e a liberação de parte dos recursos do PAM, (Plano de Ações e Metas), para formação e capacitação de integrantes das organizações da sociedade civil que trabalhem com a temática das DSTs e HIV/AIDS.

3. Criação de agenda comum entre a Frente Parlamentar, prefeitura, organizações não governamentais e movimentos sociais.


Carlos Antonio Lins, presidente da Casa Herbert de Souza (Tururu/Janga)

Permaneceremos na luta pela garantia de direitos humanos. Essa é nossa bandeira.

Dia mundial de luta contra a Aids




HISTÓRIA DO DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA A AIDS

Transformar o 1° de Dezembro em Dia Mundial de Luta Contra a Aids foi uma decisão da Assembléia Mundial de Saúde, em Outubro de 1987, com apoio da Organização das Nações Unidas, (ONU). A data serve para reforçar a solidariedade, a tolerância, a compaixão e a compreensão com as pessoas infectadas pelo HIV/AIDS. A escolha seguiu critérios próprios das Nações Unidas. No Brasil, a data passou a ser adotada, a partir de 1988, por uma portaria assinada pelo Ministro da Saúde.


POR QUE O LAÇO VERMELHO COMO SÍMBOLO?


O laço vermelho é visto como símbolo de solidariedade e de comprometimento na luta contra a AIDS. Seu projeto foi criado em 1991 pela Visual Aids, grupo de profissionais de arte, de Nova York, que queria homenagear amigos e colegas mortos em decorrência da AIDS. O Visual Aids tem como objetivo conscientizar as pessoas para a transmissão do vírus, divulgar as necessidades dos que vivem com o HIV/AIDS e angariar fundos para promover prestação de serviços e pesquisas. O adereço foi escolhido pela sua associação ao sangue e à idéia de paixão e foi inspirado no laço amarelo que honrava os soldados americanos da Guerra do Golfo